Reconstrução de centros comunitários marca a superação dos moradores

Aline Tonello

Os centros comunitários dos bairros Bortolon e Esportes foram bastante danificados com a passagem do tornado. Um ano depois os locais já estão em uso novamente, apenas faltam alguns ajustes finais para que tudo fique até melhor do que antes. Além da reconstrução das casas, o reerguer das duas estruturas é mais um exemplo do envolvimento e da união da comunidade na superação daquele 20 de abril.

Bairro dos Esportes

A tradicional festa em honra à Santa Bárbara, realizada sempre no dia 6 de dezembro, ganhou o nome de Festa da Superação no ano passado. Isso porque a comunidade do Bairro dos Esportes buscava arrecadar fundos para concluir a obra de reconstrução do centro comunitário e também a confraternização entre todas as pessoas que auxiliaram com doações e trabalho voluntário.

– A Festa da Superação deu R$ 40 mil de lucro e então nós pagamos quase tudo e ficamos devendo pouca coisa, uns R$ 15 mil só. Aí agora vai ter mais uma festa em junho para terminar de pagar tudo – conta o coordenador do Conselho de Pastoral do bairro, Moacir Miglioranza.

Segundo ele, a parte interna do pavilhão está toda pronta e agora conta com duas salas destinadas à catequese e que antes não existiam. Para finalizar a reforma na estrutura falta o reboco na parte externa, que será feito depois da próxima arrecadação. O orçamento previsto para a conclusão da obra inicialmente era de R$ 230 mil, mas Moacir acredita que não vai chegar a esse valor. Até agora já foram gastos R$ 210 mil.

– Um ano depois a sensação é de missão cumprida porque o pavilhão já está em funcionamento, recebendo várias atividades. O sentimento é de superação porque o pessoal todo ajudou, é um sinal de que a comunidade é forte – comenta.

DSC_0555
A reforma foi realizada com ajuda da comunidade (Foto: Alessandra Villani de Oliveira)

Além do dinheiro arrecadado pela comunidade, a reconstrução do local ainda recebeu doações de entidades, empresas e moradores, o que pagou 60% do valor da obra.

– Em nome da comunidade queremos agradecer primeiro a Deus por estarmos vivos e a todas as pessoas, a comunidade, as entidades que ajudaram nós nessa batalha. Muito obrigado! – agradece Moacir.

 

Bairro Bortolon

A união da comunidade no Bairro Bortolon não foi diferente. Vinitu Bortolotto, presidente do Conselho de Pastoral, conta que primeiro a atenção foi voltada à reconstrução da igreja, onde a cobertura e o forro cederam, mas sem causar prejuízos na parte interna.

– Oito dias depois da realização da nossa primeira festa do ano, em honra a Santa Paulina, o tornado passou e aí nós usamos o lucro da festa para arrumar a igreja e o centro comunitário ficou um pouco de lado. E aí fomos recebendo algumas doações de empresas, de entidades, de pessoas que nos davam alguma coisa que sobrava dos reparos nas suas casas, e fomos guardando – conta Vinitu.

Para recuperar o telhado da igreja foram gastos R$ 22 mil. Já no centro comunitário foram investidos R$ 264 mil até agora. Isso porque ainda faltam alguns detalhes para que tudo fique pronto na parte externa, mas que de acordo com o presidente, serão finalizados em breve.

– Do jeito que estava e como está hoje dá para ficar bem contente, o pessoal do conselho se empenhou, a comunidade, quem podia ajudar, ajudou. A gente tem que agradecer mas não sabe nem como agradecer de tão contente que ficamos por receber ajuda – finaliza.

DSC_0621
No dia do tornado, a força do vento fez grandes danos, mas a comunidade se uniu e reformou o local (Foto: Alessandra Villani de Oliveira)

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s